Redirecionamento 301 com Spaguetti via .htaccess

O redirecionamento abaixo foi feito juntamente com o .htaccess do spaguetti, mas pode ser utilizado em outras situações também.

Segue o script abaixo para um redirecionamento de uma página antiga chamada /faleconosco.asp para a nova que é /contato/

 

 

Exemplo abaixo:

redirect 301 /faleconosco.asp http://www.seusitecom.br/contato/

Options +FollowSymlinks
<IfModule mod_rewrite.c>
RewriteEngine On
RewriteRule ^(.*)$ app/webroot/$1 [L]
</IfModule>

 

Preto é o Redirecionamento.
Vermelho é a página antiga.
Verde é a página nova, que pode ser url amigável (/contato/) ou com extensão (/contato.php) dependendo da programação
Azul é os dados utilizados no Spaguetti.

Validação de CPF e CNPJ com Jquery Validate

O exemplo abaixo é validação de CPF e CNPJ com Jquery Validate.

<html>
<head>
<script type=”text/javascript” src=”js/jquery.js”></script>
<script type=”text/javascript” src=”js/jquery.validate.js”></script>
<!– acima as dependencias, e abaixo o meu javascript, e um exemplo –>
<script type=”text/javascript” src=”js/util.validate.js”></script>
<script type=”text/javascript”>
$(function() {
$(“#f-exemplo”).validate({
debug:true, //retira essa linha, para o form voltar a funcionar
rules: {
“pessoa.cpf” : {
cpf: ‘both’ //valida tanto Formatação como os Digitos
//caso não queira validar a formatação use => cpf: ‘valid’
//caso só queira validar a formatação use => cpf: ‘format’
},
“empresa.cnpj” : {
cnpj: ‘both’ //valida tanto Formatação como os Digitos
}
}
});
});
</script>
</head>
<body>
<form id=”f-exemplo”>
<p>CPF: <input type=”text” name=”pessoa.cpf” value=”” /> <br> Ex.: 766.533.535-75  </p>
<p>CNPJ: <input type=”text” name=”empresa.cnpj” value=”” /><br> Ex.: 50.652.173/0001-60  </p>  </p>
<input type=”hidden” name=”_method” value=”PUT”/>
</form>
</body>
</html>

Segue o exemplo em download completo.
Download

Referência: http://www.guj.com.br/java/202847-stella—validacao-cpf-e-cnpj-via-javascript-usando-jquery-validate

Diferença entre Require e Require_Once / Include e Include_Once

Vamos descomplicar com esta resolução que encontrei:

include(): Tenta incluir uma página. Caso de algum erro, o script retorna um warning (aviso) e prossegue com a execução do script. Aceita a passagem de variáveis (GET) na string. Pode ser utilizado em uma estrutura de condicionais que terá seu efeito perpetuado todas as vezes que for chamado.

Require(): Tenta incluir uma página. Caso de algum erro, o script retorna um fatal error(erro fatal) (Que maravilha!) e aborta a execução do script. Aborta mesmo, já era não roda nada mais dali pra frente. Não aceita a passagem de variáveis (GET) na string. Não recomendo que utilizem nas estruturas condicionais, a menos que se deseje o seu efeito, de ser executada apenas uma vez.

include_once() e require_once(): Idênticas as suas funções simples, porém se o arquivo referenciado já foi incluso na página anteriormente, a função retorna ‘false’ e o arquivo não é incluido. É bom quando temos muitos includes e já estamos perdidos, sem saber o que está incluindo o que.

 

 

Referência: http://webpub.wordpress.com/2007/11/11/diferenca-entre-require-require_once-include-include_once/

Dump da base postgresql via ms-dos

PARA FAZER O DUMP DE UM BANCO DE DADOS.

Sempre utilize a a pasta bin que está dentro da pasta c:/arquivosdeprogramas/postgresql/8.1/bin/

Acesse via prompt de comando o caminho acima, utilize os comando abaixo.

pg_dump -h [ip] [db] -U [user] > (db.sql)
pg_dump -h [ip] -i [db] -U [user] > (db.sql)
pg_dump -h [ip]   -U [user] [db] > (db.sql) versão 8.4

 

PARA RESTAURAR A BASE DE DADOS

# psql -h ‘server’ ‘dbname’ ‘user’ < (nome_arquivo.sql) sem senha
# psql -h ‘server’ ‘dbname’ ‘user’ -f (nome_arquivo.sql) com senha